You are currently viewing A importância de uma boa infraestrutura de dados para as empresas

A importância de uma boa infraestrutura de dados para as empresas

Infraestrutura; Suporte; Manutenção, Gerir uma empresa não é fácil.
Boletos, funcionários, impostos, fornecedores, clientes…
Toda essa sopa de letrinhas pode enlouquecer até aqueles mais sãos.
Apesar de ser cansativo, pode ser uma tarefa simples. Impossível? Não.
Apenas com o acesso a tecnologias que podem estar disponíveis a você com poucos cliques,
otimizando recursos para que cresça mais do que a concorrência e destacando-se do mercado.

Neste artigo você encontra:
Afinal, o que é uma infraestrutura de dados?
E ter tudo isso realmente importa?
Entendi, como faço para elaborar a minha infraestrutura?
Você não está sozinho nessa
Somos a Techslab


Afinal, o que é uma infraestrutura de dados?

Toda empresa que não seja movida a carvão, precisa estar conectada à internet com sistemas integrados, seja para emitir uma nota fiscal, controlar estoques, entre outras utilidades.
Uma simbiose entre atividades físicas e digitais que juntas proporcionam agilidade e seriedade ao empresário.
Por isso, faz parte de toda infraestrutura: hardwares, aplicativos, sistemas operacionais, de gerenciamento e armazenamento de dados, comunicações de redes, serviços integrados e plataformas de internet.

 

E ter tudo isso realmente importa?

Segundo o IBGE, a internet já chega em 8 a cada 10 brasileiros.
A democratização do acesso a ela permite que novas aplicações surjam, melhorando cada vez mais a nossa vida para que foquemos o tempo em algo que realmente importa para o dia-a-dia.

 

Por isso, acabaram as desculpas…

…de que apenas gigantescas multinacionais detêm o poder de usar a tecnologia a seu favor. Apesar de imperceptível, está nas mais simples relações, como um pagamento utilizando o pix.
Assim sendo, um dos principais benefícios que você terá acesso é o aumento da produtividade. Pois, um trabalho manual tem chances de ocorrer pequenas falhas e proporcionarem horas para serem resolvidos.
Outro fator muito importante decorrente de um bom investimento em TI é a redução drástica de desperdícios, afinal, tudo é calculado com precisão para que nada fuja do controle.

Sem perder recursos, finalmente entra na melhor parte de
uma infraestrutura de dados que é a redução de custos.

Esse fluxo interrompido de perdas, corta pela raiz os prejuízos por retrabalho, reparação e recuperação de dados.
Um case de sucesso muito comum foi da UPS, uma das maiores empresas de logística para entregas do mundo.
Com uma boa gestão de big data, conseguiu o feito de economizar 136 milhões de km percorridos por seus veículos de entrega.
Com a economia de combustíveis, pessoal, caminhões e manutenções desnecessárias a vida na UPS depois da implementação da tecnologia tem se perseverado anualmente.

Entendi, como faço para elaborar a minha infraestrutura?

A melhor forma de se chegar a uma infraestrutura de TI adequada para o seu negócio é começar com um projeto bem-feito.
Estudar as necessidades e a partir daí, selecionar os recursos e soluções essenciais.

Preparamos algumas dicas para você criar um bom projeto de infraestrutura de TI e encontrar parceiros que agreguem mais valor aos processos internos.

  1. Qual é a demanda para o serviço?
    Nessa maratona de digitalização, a primeira coisa a se pensar é entender os problemas que circundam sua empresa.
    Sem isso definido ou apenas no “olhômetro” pode causar demandas que podem ser superiores ou inferiores do que realmente se necessita.
    Inviabilizando projetos que poderiam ser mais acessíveis e formando uma bola de neve que pretende levar todo o lucro com a desculpa de que está melhorando as atividades.

  2. Saiba escolher
    Não basta selecionar os mais bonitos e agradáveis aos olhos se quem for usar não entender um palmo do que está à frente da sua cabeça.
    Com uma boa decisão, torna sua adoção mais simples e funcionando em condições melhores. Além disso, vale ressaltar a escalabilidade tecnológica.
    Sua empresa não ficará no mesmo ponto de anos atrás, provavelmente se expandirá e as aplicações precisam acompanhar esse desenvolvimento ou então todo esforço é jogado no lixo.

  3. Elenque em documentos, todos os seus processos
    É preciso ser chato…
    Você terá que anotar, tudo que aparece em sua infraestrutura. Desde pequenas falhas, até a implementação de mudanças para tentar contê-las.
    Não limite-se de forma superficial, mas sim, aprofundada para que nenhum item passe despercebido.
    Na maioria dos casos, ela é completamente deixada de lado por ser monótona e não trazer lucros para a empresa em um primeiro momento. Entretanto, a má gestão empresarial cheira a prejuízo.

  4. Tenha uma RFP buscando os melhores provedores
    Request for Proposal ou Pedido de Proposta é um documento que pode ser formado com informações simples da sua empresa. Desde requisitos para uma parceria, até resultados desejados.
    Apesar de muitos considerarem apenas uma solicitação de orçamento, a totalidade de funções pode levar as ações intra-empresariais para outro nível.
    Sendo assim, é uma “bíblia” essencial para se escolher quem será o fornecedor de TI da corporação.
    Podendo convergir requisitos e competências no mesmo ponto. Melhorando os processos de avaliações das propostas para cada serviço ou parceiro.

 

Você não está sozinho nessa

Nós da Techslab, podemos oferecer o melhor da tecnologia, com qualidade e eficácia, para você não precisar perder noites de sono para resolver problemas que nem precisavam existir.

Levamos a sério os serviços oferecidos, com inovação para entregar soluções tecnológicas e contribuir com os objetivos dos nossos clientes.

Para saber mais como fazer o melhor investimento para sua corporação,
entre em contato em nosso site, pelo email contato@techslab.com.br ou
se preferir pelo telefone (11) 4399-2878, ou fale com nosso atendimento online.

Deixe um comentário